Fotos: divulgação

O Chile é, sem dúvida, um dos mais frequentados destinos de enoturismo pelos brasileiros. Ele é favorecido pela proximidade, vôo sem escalas, vinícolas próximas, o preço e os bons vinhos (é claro!). Tudo isso torna muito viável uma escapada para um fim de semana especial. Como ADEGA costuma receber pedidos de consulta sobre quais restaurantes "visitar" em uma viagem a Santiago, decidimos estudar, de maneira quase antropológica, a nova geração de chefs chilenos.

Uma visão globalizada da gastronomia, juventude, criatividade, passagem pela cozinha de grandes chefs e valorização de ingredientes "autóctones" são alguns dos elementos comuns dos chefs Matias Palomo e Rodolfo Guzmán.

Menu confiance

Sugerimos os menus confiance, tanto no Sukald de Palomo como no Boragó, de Guzmán, pela qualidade gastronômica. Nossa única ressalva é ordenar os vinhos em separado, ao invés dos utilizados nos menus confiance. Não por defeitos na harmonização, mas por valorizar a oportunidade de combinar os pratos com os grandes vinhos do país. Apesar desta dica, sempre há espaço para surpresas e humildade, pois, no Sukald, a harmonização do delicioso Tartar com caviar de soja e purê de limão com o correto Chardonnay Trio 2007 é um verdadeiro "wake up call" para quem só bebe rótulos. O restaurante Sukald, dirigido por Palomo é uma grande opção para gastronomia criativa, refinada e deliciosa.

Névoa sobre um bosque de cogumelos
Guzmán e sua equipe do Boragó
Assado de tira no Sukald

A casa simples, inaugurada com as economias do próprio chef, esconde um verdadeiro tesouro que se completa com a atenção e simpatia de Matias. "O segredo da gastronomia do Chile está nos ingredientes do país", revela o chef, que almeja que a cultura chilena e entretenimento na refeição estejam no resultado de suas criações.

Além do Chile e sua cultura culinária, a inspiração oriental se faz presente no visual de Palomo e seus pratos, com destaque para seu Calamar en su tinta com batatas, clássico, mas moderno, onde brilha a riqueza dos frutos do mar chileno representado pelo estupendo calamar.

Recomendamos ainda o Assado de Tira com mosaico de topinambur, berinjela e espinafre, em que o suculento assado e os deliciosos purês farão par perfeito com os grandes Syrahs ou Cabernet Sauvignons chilenos.

#Q#
Comendo a paisagem

No Boragó, de Guzmán, o requinte se faz presente, assim como uma culinária performática. Escolher uma mesa com vista para a cozinha é um show à parte, mas dificilmente você conseguirá prestar atenção em seu (ou sua) acompanhante diante do trabalho - ao mesmo tempo perfeccionista e apressado - da grande equipe na cozinha, que parece acompanhar o rápido dedilhado das composições do jazzista Duke Ellington.

O esmero com a apresentação e as experiências sensoriais se destacam em todos os pratos, que no menu confiance revelam as diversas paisagens naturais do Chile, como o belo Névoa sobre um bosque de cogumelos. A marcante montagem sobre uma pedra - que substitui a louça - é especial neste prato, cujos cogumelos vêm montados sobre uma "pedra" de purê de batata trufado recoberta com pó de cogumelo e envoltos numa névoa que é liberada no momento do serviço.

Também no Boragó, destacamos o Congro frito em grelha de carvão cratego, com detalhe para a pequena flor de cebolinha que adorna o prato e que, assim como a batata naturalmente colorida, é uma espécie autóctone e recentemente redescoberta pela culinária chilena. A harmonização deste prato com alguns dos bons Pinot Noirs que despontam no Chile é satisfação garantida.

Sensorialmente, a criação Frío Glacial, que homenageia o extremo sul do país, é uma experiência rica e divertida. O prato, preparado com nitrogênio líquido, libera uma névoa de menta que envolve o paladar e olfato simultaneamente quando mastigado.

Pesquisa feita, podemos garantir que o Chile se encontra, além do Novo Mundo do vinho, no Novo Mundo da gastronomia.

Serviço:
Sukalde - Av. Francisco Bilbao, 460
Santiago - Chile
www.sukalde.cl
Boragó - Av. Vitacura, 8369
Santiago - Chile
www.borago.cl


Harmonização

Artigo publicado nesta revista

Últimas Harmonização

20-03-2013
11:35 A mesa do Alentejo e seus vinhos
06-12-2011
14:42 Fim de ano sem crise
09-09-2011
11:47 O gosto do terroir harmonizado
08:22 O gosto de Mendoza
28-06-2011
08:40 Um brinde ao inverno
03-05-2011
06:23 Vero!
28-03-2011
15:03 Bacalhau Tinto ou Branco?
01-03-2011
10:31 Sangue por taninos
31-01-2011
10:10 Para combinar com o verão
23-07-2010
05:40 Em companhia dos vinhos
Mais Harmonização »
Almaviva

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano



Receba o boletim Revista ADEGA

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas

Mais lidas

1 Bons vinhos abaixo de R$50 Notícias
2 5 maneiras criativas de abrir uma garrafa de vinho sem saca-rolhas Notícias
3 Como tirar uma mancha de vinho? Notícias
4 Qual a influência do tamanho das bolhas no sabor do Champagne? Notícias
5 Que taça escolher? Capa
6 Lista traz 10 garrafas de vinho que custaram fortunas Notícias
7 Qual adega comprar? Escola do vinho
8 Conheça os mais caros e desejados vinhos do mundo Notícias
9 Vinhos e queijos, a combinação perfeita Notícias
10 Aprenda a servir o vinho na temperatura correta Notícias