Escola do vinho

Ih, derramou… Como tirar mancha de vinho tinto

Tudo começa com papel toalha, mas também pode ser com sal sobre a área afetada


Todo enófilo sabe, uma toalha branquinha e um vinho tinto formam o cenário perfeito para uma tragédia shakesperiana.

Mesmo o mais cuidadoso já teve alguma toalha, roupa, sofá ou tapete manchado com a bebida de Baco, não?

E nessa hora, o que deve ser feito? O primeiro passo é não se desesperar. Apesar de não ser a tarefa mais simples do mundo, há algumas maneiras de driblar o problema.

O mais importante de tudo - e o que vai tornar o seu trabalho bem mais fácil - é limpar a sujeira quando ainda é recente.

1 – Se estiver em casa o melhor é retirar o excesso de vinho com um papel-toalha e lavar a peça com água quente e sabão. A água mais quentinha consegue diluir e “desprender” o vinho que já penetrou no tecido.

2 – Há uma ideia inusitada de “substituir o papel-toalha” por um pouco de sal. Uma boa camada do produto sobre a mancha ainda molhada faz com que o líquido seja sugado.

3 – Se preferir essa alternativa, cubra toda a mancha e deixe descansando por cinco minutos. Em seguida, retire o excesso e repita o processo até que clareie bem. Depois disso, é só lavar normalmente.

4 – Se você estiver em uma ocasião mais formal e não puder tirar a toalha da mesa (ou a peça de roupa!) na hora em que o vinho foi derrubado, o ideal é colocar sabonete líquido e água quente. A combinação vai amolecer e não deixar que a mancha seque e fique ainda mais difícil de tirá-la mais tarde.

5 – Caso a mancha não seja tratada na hora e secar é provável que as opções listadas acima não funcionem - já que são alternativas menos invasivas para o tecido. Para tentar salvar sua toalha, ou qualquer outra peça, há três saídas:

• Apostar nos alvejantes sem cloro, que são menos agressivos e não desbotam o tecido, principalmente os mais delicados, mas mesmo assim conseguem uma boa limpeza.

• Misturar água e amoníaco e colocar a solução em cima da mancha. Como ela já estará seca, esfregue a área com uma escovinha e depois lave o tecido todo, para retirar o produto.

• Se nada mais der certo, o jeito é recorrer aos alvejantes com cloro, soluções de hipoclorito de sódio ou até mesmo a famosa cândida.

As três alternativas irão “manchar” o tecido de branco, ou seja, desbotá-lo e tirar o vermelho do vinho. Mas, nesse caso, a dose é muito importante. Muito cloro pode corroer o pano, e pouco pode não surtir efeito.

6 – Há ainda as “receitas da vovó” como usar leite fervido. Em uma panela com leite, coloque o tecido dentro, e ferva os dois. Assim que o leite alcançar o ponto de ebulição e começar a subir, desligue o fogo e deixe de molho depois, claro, lave a peça com água e sabão.

7 – A vovó pode usar vinagre também. Misture uma parte de vinagre branco com três de água morna e esfregue bastante

» Sim, é possível envelhecer vinhos com tampa de rosca

» Qual é a taça que devo escolher? Há um modelo para cada tipo de vinho

» Você sabe, de verdade, o que significa terroir?

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

 

Da redação

Publicado em 8 de Abril de 2021 às 13:45


Escola do vinho Mancha de Vinho Roupa Toalha Como tirar mancha de vinho Serviços do vinho Serviços Guia do vinho Vinho