Revista ADEGA
Busca

ProWein 2022

O valor do contato pessoal

O maior diferencial esse ano foi despedir-se de muitos produtores não com votos de até 2023, mas de até setembro na ProWine São Paulo


A ProWein 2022 contou com 5.700 expositores de 62 países e público de 38.000 profissionais do vinho de 145 países
A ProWein 2022 contou com 5.700 expositores de 62 países e público de 38.000 profissionais do vinho de 145 países

Depois de dois anos sem feira, a ProWein voltou. Ao todo, 5.700 expositores de 62 países e público de 38.000 profissionais do vinho de 145 países passaram pelos corredores do mais tradicional evento do calendário do vinho.

O ritmo da Covid na Alemanha levou a feira a ser prorrogada excepcionalmente para maio, com o sol e anoitecer após as 20:30 horas, que contrastou muito com a neve e frio tão comum em outras edições.

A sensação andando pelos corredores mais amplos desta edição foi da presença de menos americanos e a quase total ausência de chineses, normalmente muito numerosos. Por outro lado, a presença de brasileiros bateu recorde com crescimento de 27% com relação a 2019. Eram proprietários e CEOs de importadoras com suas equipes, consultores, varejistas e alguns produtores do Brasil.

O ritmo de reuniões era alucinante com muitos deles chegando pontualmente as 9 horas da manhã para primeira reunião, e seguindo até as 18:30 sem pausa para almoço, apenas para sair e ir a um dos muitos jantares com produtores que permeavam Düsseldorf. Eram reuniões com produtores que já estão em portfólios, negociação final com novos produtores e, se desse tempo, explorar novidades.

ProWein 2022
A entrada da ferira em Düsseldorf

Para estes visitantes a feira representa a possibilidade de fazer uma dezena de viagens pelo mundo em apenas 3 dias. O que foi diferente nesse ano foi despedir-se de muitos produtores não com votos de até 2023, mas de até setembro na ProWine São Paulo.

Christian Burgos
Publicado em 25/05/2022, às 11h40


Mais Mercado