Escola do vinho

Quando e porque você deve decantar o vinho

Ao aerar o vinho, exaltamos suas belezas, ou seja, seus aromas e sabores


A arte de decantar, mas quando devo utilizar?

“Decantar” significa, basicamente, separar líquido de sólidos. E essa está entre as funções primordiais de um decanter: separar os sedimentos do vinho. Contudo, você já deve ter ouvido a palavra “decantar” no sentido de enaltecer: "a decantada beleza das praias brasileiras". Assim, o processo de decantação de um vinho também serve para aerá-lo e, com isso, exaltar suas belezas, ou seja, seus aromas e sabores.

Ok, mas quais são os vinhos que devo (ou posso) decantar? Quanto tempo leva a decantação?

Não há regras absolutas quando se trata de decantar um vinho com o intuito de enaltecer seus aromas ou suavizá-los. Mas há dicas que ajudam muito:

• De uma maneira geral, estamos falando de vinhos tintos. Brancos vão ao decanter em casos muitos específicos, como vinho velhos e com passagem por madeira, raros e raros... Ainda assim, por pouco tempo, só pra abrir um pouco

• Dito isto, o corpo do vinho tinto, considerando principalmente teor alcóolico e carga tânica, é o que determina quem vai para o decantar e e o tempo que ele deve ficar decantando

• Ao entrar em contato com o oxigênio, os vinhos cheios de corpo, por exemplo, liberam seus aromas mais rapidamente e, indiretamente, tem seus taninos suavizados

• Se você pensou em bordaleses, Barolos e Super Toscanos, sim, eles costumam ser bons candidatos ao decanter

• Como regra geral, de 30 minutos a duas horas no decanter bastam para a maioria dos vinhos

• A regra vale inclusive para vinhos simples e jovens, de consumo imediato, neste caso, em minutos eles estarão no ponto. Mais perfumados, sem presença de álcool marcante

• Vinhos mais robustos do Novo Mundo, com alto teor alcoólico, podem pedir mais tempo para abrir inteiramente

• Vinhos que ficaram longo tempo descansando em garrafa antes de serem abertos, como Vinhos do Porto, demoram mais para abrir aromas e acentuar sabores, por isso também se beneficiam da decantação. Neste caso, uns 20 minutos são suficientes

• Enfim, basta seguir a cartilha básica para ser feliz: abra a garrafa e deixe o vinho respirar de 10 minutos a meia hora.

• Então prove e avalie: se achar que o vinho está fechado, que falta exuberância, decante

 • Durante o processo, deguste de tempos em tempos. Além de cuidar para não perder o potencial do vinho, você vai dominando a prática da decantação

• Vale a máxima dos velhos marujos: é remando que se aprende a remar

 Atenção, vinho velho!

Para vinhos envelhecidos, decantar significa mesmo separar os sedimentos sólidos do líquido. E, muito importante!, eles devem ser apreciados quase que imediatamente após serem vertidos no decanter. Como já estão teoricamente em seu auge, não precisam ser aerados.

Mais do que isso, a grande presença de oxigênio do decanter pode fazer com que o vinho perca os aromas ricos e sutis que lhe restam.

Assim, uma enorme parte do charme de se guardar uma garrafa por um longo período se esvai em, literalmente, alguns minutos.

» Em pé ou deitada: existe uma posição correta para guardar as garrafas de vinho?

» Sim, é possível envelhecer vinhos com tampa de rosca

» Qual é a taça que devo escolher? Há um modelo para cada tipo de vinho

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

Da redação

Publicado em 10 de Abril de 2021 às 10:00


Escola do vinho decanter para que serve um decanter decanter de vinho Vinho