Escola do vinho

Semillón: de onde vem a uva bordalesa que faz o vinho divinal?

É ela que dá origem ao Sauternes, o vinho doce “dos Deuses”, como se diz na França


Semillón é a casta branca mais cultivada de Bordeaux  

A pronúncia da Semillón segere que ela teria nascido na cidade de Saint-Émilion, em Bordeaux, certo?

Não exatamente. É fato que a variedade existe por lá, mas nunca foi cultivada em grande quantidade. 

Até o século 18, a Sémillon só era cultivada mesmo em Sauternes, também em Bordeaux, como sugere a primeira citação sobre ela, em 1736.

Uma hipótese diz que a Sémillon vem das florestas ou ilhas do Gironde, estuário que divide a região nas famosas duas margens direita e esquerda, onde apareceu por volta do século 16. 

Estudos de DNA sugerem que a Sémillon é muito próxima geneticamente da Sauvignon Blanc

E por isso sugere-se que Sémillon deriva da palavra occitana “sem”, que significa “semente”, com o sufixo-ilho, possivelmente indicando que a variedade foi obtida a partir de sementes em vez de ser derivada de videiras selvagens. 

 

Estudos de DNA sugerem que a Sémillon é muito próxima geneticamente da Sauvignon Blanc, mas sem parentesco. Talvez daí venha sua parceria natural nos blends brancos bordaleses – combinação que vem sendo replicada em diversas partes do mundo com sucesso.  

Ela é uma variedade bastante susceptível à botrytis, ou seja, ao desenvolvimento da podridão nobre, por isso é tão valorizada em Sauternes. Aliás, em Bordeaux, em geral, ela é mais cultivada do que a Sauvignon Blanc.  

Bagos da Semillón atacados pelo fungo Botrytis cinerea

Fora da França, a Austrália é o país onde essa variedade mais se destacou, no entanto, é possível encontrar bons exemplares, sejam varietais ou blends, nos Estados Unidos, Chile, Argentina e África do Sul, onde ela era chamada de “Greengrape”.

 

 

Para ver os Sémillon pontuados, das melhores importadoras, clique aqui.

» Cinsault: a uva dos rosés da Provence também dá origem a tintos amigáveis e muito agradáveis

» Alvarinho ou Albariño: o que você precisa saber sobre a uva branca mais famosa da península ibérica

» Mourvèdre: você precisa provar a uva que anda mais falada do que nunca

Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

Da redação

Publicado em 8 de Julho de 2021 às 17:00


Escola do vinho Semillón Casta Uva Conheça a Semillón Bordeaux França Sauternes História Curiosidades