Vieiras grelhadas com azeite de ervas e purê de abóboras com crocante de arroz selvagem

Nesta edição fomos conhecer e testar duas harmonizações no novo Bistrô Vintage. Este bistrô situado no bairro de Vila Nova Conceição, em São Paulo, compartilha espaço com uma das lojas de vinho da cadeia multimarca Ville du Vin.

Como já citamos nas páginas de ADEGA, esta tendência das lojas de vinhos compartilharem espaço com restaurantes de qualidade possibilita que o apreciador compre seu vinho na loja - a preço da importadora - e o leve para ser degustado no bistrô sem taxa de rolha ou custos adicionais.

O proprietário da loja e também restauranter Olavo Maciel Neto sugeriu duas harmonizações com pratos de seu novo cardápio e frisou, “escolhi vinhos que numa degustação às cegas com outros vinhos seriam apagados, mas que acompanhados dos pratos são grandes surpresas”.

#R#

Esta estréia do novo cardápio coincide com a chegada do chef Duh Cabral, que agora conduz a cozinha do Bistrô Vintage.

Primeira Harmonização
Prato:
Vieiras grelhadas com azeite de ervas e purê de abóboras com crocante de arroz selvagem (R$30,00).
Vinho: Dom Pedro Soutomaior 2006 / Albariño - Espanha - Península (R$106,00).

A vieira e o purê de abóboras dão o tom neste prato. O arroz selvagem, por sua vez, agrega um elemento de crocância que se contrapõe à textura da vieira, numa combinação muito interessante. Neste vinho o teor alcoólico de 13% já se faz presente no nariz, e se balanceia com a acidez própria da uva. Com a comida, a combinação é rica e a acidez harmoniza com a untuosidade do azeite e a leve doçura da abóbora, ao mesmo tempo que ressalta o frescor das vieiras.

Segunda Harmonização
Prato:
Magret de Pato grelhado com Cardamomo e salada de feijão Azuki e amêndoas (R$52,00).
Vinho: Domaine Cazes Marie Gabrielle 2003 - Sul da França - Expand (R$75,00).

O magret grelhado acompanha uma salada de feijão Azuki com amêndoas, num conjunto de ingredientes que contribuem para uma suave sensação agridode.

O vinho Domaine Cazes é um vinho biodinâmico que não passa por madeira, sendo rico no nariz e elegante no paladar. Este é o caso típico de vinho para enogastronomia. A harmonização com a carne de pato revela todo o potencial do vinho. Na boca, suas frutas vermelhas silvestres e elegância casam muito bem com a carne de pato ligeiramente mal-passada, que segundo Duh Cabral é o ponto ideal para realçar o sabor da ave neste prato.

Bistrô Vintage
Rua Diogo Jacome, 361 - Vila Nova Conceição
São Paulo, SP
Tel.: (11) 3045-8137

fotos: Luna Garcia
Magret de Pato grelhado com Cardamomo e salada de feijão Azuki e amêndoas

Harmonização

Artigo publicado nesta revista

Últimas Harmonização

20-03-2013
11:35 A mesa do Alentejo e seus vinhos
06-12-2011
14:42 Fim de ano sem crise
09-09-2011
11:47 O gosto do terroir harmonizado
08:22 O gosto de Mendoza
28-06-2011
08:40 Um brinde ao inverno
03-05-2011
06:23 Vero!
28-03-2011
15:03 Bacalhau Tinto ou Branco?
01-03-2011
10:31 Sangue por taninos
31-01-2011
10:10 Para combinar com o verão
23-07-2010
05:40 Em companhia dos vinhos
Mais Harmonização »
Almaviva

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano



Receba o boletim Revista ADEGA

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas

Mais lidas

1 Bons vinhos abaixo de R$50 Notícias
2 5 maneiras criativas de abrir uma garrafa de vinho sem saca-rolhas Notícias
3 Como tirar uma mancha de vinho? Notícias
4 Qual a influência do tamanho das bolhas no sabor do Champagne? Notícias
5 Que taça escolher? Capa
6 Lista traz 10 garrafas de vinho que custaram fortunas Notícias
7 Qual adega comprar? Escola do vinho
8 Conheça os mais caros e desejados vinhos do mundo Notícias
9 Vinhos e queijos, a combinação perfeita Notícias
10 Aprenda a servir o vinho na temperatura correta Notícias