Revista ADEGA
Busca

PUBLIEDITORIAL

Um single-malt sem comparações


The Macallan é, sem sombra de dúvida, o single-malt mais cultuado do mundo. Fato é que sua reputação, qualidade e caráter distinto são endossados por “connoisseurs” do mundo todo e tomam como base o trabalho de seus antigos mestres para que sejam usufruídos pelas futuras gerações.

Fundada em 1824, às margens do rio Spey no nordeste da Escócia, a destilaria The Macallan iniciou sua história como uma empresa pequena, fornecendo à vizinhança um whisky single-malt que rapidamente alcançou fama por sua excelente qualidade. Os primeiros donos compartilhavam a determinação na fabricação do melhor produto possível, um legado que foi passado através de gerações.

A notoriedade e excelência de Macallan tem fundamentos sólidos que comprovam sua superioridade. Seis pilares explicam o porquê desta supremacia. A começar pelo primeiro – a “Casa Espiritual”, Easter Elchies Home, construída em 1700. O típico casarão escocês é o berço da tradição da destilaria e tem sido sua sede desde a inauguração. Ali está toda a história e os segredos de The Macallan. 

O segundo pilar, os curiosamente pequenos destiladores de cobre de formato único, ajudam a concentrar o sabor de The Macallan antes de seu amadurecimento. Eles são os menores destiladores da Escócia e produzem um destilado mais complexo e elegante. São os únicos destiladores a figurar em uma nota da libra esterlina. 

O fino corte é o terceiro pilar. O corte é a porção de bebida desejada após a destilação. The Macallan escolhe apenas 16% do que sai de seus alambiques para ser levado aos barris para amadurecimento. Essa porção nobre da bebida, retida em um estágio específico da destilação, é a mais rica em sabores e aromas e, portanto, confere excelência final única a The Macallan.

O quarto pilar são os barris de carvalho excepcionais – americano e espanhol – que recebem o vinho espanhol Jerez Oloroso, amadurecido ali por 2 anos, antes. Somente ao final deste estágio, quando o vinho é retirado, que irão receber o destilado recém-elaborado. Os barris proporcionam 80% dos incomparáveis aromas e sabores encontrados em The Macallan, além de trazer naturalmente sua coloração. 

Sua cor natural é o quinto pilar. A interação entre o destilado e a madeira é responsável pela variedade de ricas cores naturais que distinguem os single-malts The Macallan.

Por último, o sexto pilar, é o próprio The Macallan, referência de qualidade e excelência entre os single-malts, e sua consistência como referência de qualidade ao longo do tempo, o que o leva a ser cultuado pelos maiores experts no assunto como o mais nobre whisky do mundo.

A linha

Fazendo jus ao extraordinário whisky que carregam, as garrafas The Macallan receberam há alguns anos novo design. A mudança aconteceu no mesmo ano em que a destilaria escocesa inaugurou sua nova destilaria em 2018, e além das mudanças na garrafa, a nomenclatura passou a ser diretamente relacionada aos diferentes tipos de barris utilizados em sua produção. Double Cask e Triple Cask Matured correspondem respectivamente a dois ou três tipos de barris utilizados para repousar o líquido que está na garrafa. 

Segundo a Macallan, essa era uma demanda dos clientes da marca bem como do mercado. Almejavam facilitar para seus fãs a escolha do whisky certo. O que poderia ser mais simples que escolher pela quantidade de tipos de barris? Ao consolidar a linha principal a partir dessa característica, poderiam destacar a variedade de single-malts que produziam além de incentivar novos fãs a experimentar o produto.

Em seu novo formato, a garrafa tem ombros mais largos, e recebeu um recorte em forma de Chevron no vidro, que afunila em direção ao pescoço. Além disso outras duas novidades importantes foram adicionadas: um dispositivo que mostra se a garrafa já foi aberta e a tecnologia anti-falsificação, para garantir proteção aos consumidores no momento da compra. O design da caixa também foi atualizado, destacando a maturação e com a nova identidade visual. 

O The Macallan Triple Cask 12 é amadurecido em três diferentes tipos de barris - Carvalho americano que antes continha Bourbon whiskey, conferindo notas de caramelo e baunilha, e uma combinação de barris que antes contiveram vinho jerez, tanto de carvalho americano quanto europeu, trazendo especiarias e frutas cristalizadas ao sabor. Um single-malt mais leve e mais familiar para quem está mais acostumado com os blended whiskies. Revela aroma de mel e baunilha. Levemente cítrico e adocicado, tem final longo e suave, com especiarias e baunilha.

Já o Macallan Double Cask 12 é maturado em dois tipos distintos de barris, ambos “temperadas” com vinho jerez espanhol, de carvalho americano e carvalho europeu. Os barris de carvalho americano trazem notas adocicadas e florais, como mel, caramelo e baunilha, que unidas ao sabor do Jerez resulta em um sabor frutado e seco. Por sua vez, os barris de carvalho europeu trazem complexidade sensorial, especiarias, taninos e frutas secas. Tudo isso dá vida a um whisky adocicado e frutado no começo, que, aos poucos vai se tornando mais seco e apimentado no paladar. A Linha também inclui o Double Cask 15 e 18 anos, em breve disponíveis para venda no Brasil. 

The Macallan Rare Cask

Menos de 1% entre os 230 mil barris da The Macallan são os responsáveis pela preciosidade do Rare Cask, um single-malt que carrega já no nome o destaque para um dos seis pilares da marca. O uso de barris excepcionais chegou a um patamar ainda mais especial nesta criação, que a cada lançamento recebe em seu rótulo o número do batch – seu lote de engarrafamento – e o ano no qual foi engarrafado. 

Para a criação do Rare Cask, foram utilizados 16 diferentes tipos de barris – dois tipos de carvalho, diferentes usos, tamanhos e formatos, e tanoarias e bodegas de Jerez entre as quais algumas já nem existem mais. Destes, a destilaria escolheu a dedo os que abrigariam um dos mais complexos The Macallan da história. A cada novo lançamento, pode-se esperar um single-malt que mantém suas principais características com sutis mudanças conferidas justamente pela singularidade de cada barril. Sua garrafa especial é um espetáculo à parte, com o icônico triângulo símbolo da marca esculpido.

Para beber com os olhos

Integrante da linha Master Decanter Series, The Macallan Reflexion representa a trilogia do encantamento, em que visão, paladar e olfato se rendem a este single-malt espetacular. Seu exclusivo decanter foi desenhado para que suas facetas pudessem refletir ao máximo a luz e assim intensificar seu vermelho “Mahogany”, sua intensa coloração que é obtida naturalmente do seu envelhecimento em barris. 

Aliás, eles podem ser considerados também um importante destaque já que são os pequenos barris “hogshead” de apenas 250 litros, elaborados com carvalho espanhol e americano, ambos ex-Jerez e somente de primeiro uso em whisky. Assim, quem garantir uma garrafa entre as raras disponíveis para seu bar particular, além da riqueza e complexidade de sabores poderá certamente “beber com os olhos” ao apreciar seu marcante design.

Coloração Natural, destiladores curiosamente pequenos, seleção rigorosa da porção mais rica em aromas e sabores de toda a sua produção e o uso de barris excepcionais, que são pilares fundamentais do inigualável destilado mais cultuado do mundo, podem ser percebidos a cada gole de The Macallan. No caso do Reflexion, isso se traduziu em um single-malt untuoso, muito complexo, com notas florais e de baunilha, entremeadas por aromas de maçãs e damascos frescos.

A linha The Macallan é trazida exclusivamente ao Brasil pela Aurora Fine Brands e inclui os rótulos The Macallan Double Cask 12, The Macallan Triple Cask 12, The Macallan Rare Cask e The Macallan Reflexion.

Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui

Redação
Publicado em 04/08/2021, às 11h00