Revista ADEGA
Busca

9.dez - Aumento da venda de espumantes no verão

Aumento da venda de espumantes no verão

Vinícolas apostam no verão para ampliar vendas de espumantes


Com a crescente popularização do espumante, a alta temporada de vendas do setor vinícola já não se encerra na virada do ano, com as festas de Réveillon. O esforço de preparação de estoques e

distribuição agora visa a contemplar o abastecimento até o final do verão.

Desde 2002, a comercialização de espumantes duplicou. No mercado interno, a produção passou de 4,26 milhões de litros para os 8,56 milhões registrados no ano passado. A escalada foi ainda mais significativa no mercado externo. Segundo dados da União Brasileira da Vitivinicultura (Uvibra), há seis anos, o país exportou unicamente 625 litros. Em 2007, o volume subiu 5.193%, ou 53 vezes mais, chegando a 33.086 litros.

"Sem dúvida, o espumante será o produto do verão porque conseguimos desmistificar um pouco a idéia de consumo somente para as festas de final de ano. O espumante é de fácil harmonização, é aromático, leve, refrescante, de menor teor alcóolico que o vinho e muito bem adaptado ao paladar brasileiro", aposta o enólogo e diretor da vinícola Dal Pizzol, Dirceu Scottá.

No ano passado, a venda de espumantes no mercado interno cresceu 10,24% nos últimos três meses do ano comparado ao mesmo período de 2006. Em 2008, grande parte das vinícolas pretende multiplicar por dois esse percentual.

Fonte: Zero Hora

Leia mais sobre champanhes e espumantes:

+ O aquecimento do champagne

+ O champagne nosso de cada dia

+ Espumantes, abadias e campanários

Redação
Publicado em 09/12/2008, às 07h29 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h45


Mais Notícias