Revista ADEGA
Busca

Vinho - 12.Jul

Beber vinho reduz risco de desenvolver artrite reumatóide


Mais um estudo sobre os benefícios do vinho vem para alegrar os consumidores, pesquisadores descobriram que beber vinho pelo menos três vezes por semana, reduz o risco de desenvolver artrite reumatóide em mulheres.

divulgação

Mulheres que consomem mais de três copos de vinho por semana por pelo menos 10 anos, cortam pela metade o risco de desenvolver a doença comparadas as que não bebem, de acordo com o estudo realizado pelo Instituto Karolinska, em Estocolmo.

Foram escolhidas 34.141 mulheres nascidas entre 1914 e 1948 que viviam na cidade. Els analisaram informações sobre a alimentação e qualidade de vida das participantes de 1987 a 2007 para chegar ao resultado.

"Esse estudo mostrou que o consumo moderado de vinho não causa nenhum problema, pelo contrário", disse a autora do estudo Alicja Wolk.

Os pesquisadores disseram que o efeito pode ser causa pela habilidade que a bebida tem de reduzir a velocidade resposta do sistema imunológico no corpo, e por isso frear a artrite, que é uma doença auto-imune. Porém, advertem para o efeito inverso que o alto consumo pode causar.

Mais notícias sobre vinhos...

China cria plano para aumentar produção de vinhos
Pesquisadores espanhois descobrem origem genética da Tempranillo
Vinho tinto é a bebida alcoólica preferida dos chineses
Hotel irá montar adega mais luxuosa do mundo
Produtores de vinho protestam contra construção de antena televisiva

Redação
Publicado em 12/07/2012, às 08h13 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias