Revista ADEGA
Busca

Dalva vence tradicional regata de barcos rabelos

Corrida de barcos de Vinho do Porto ocorre há mais de 30 anos no dia de São João


Rabelos

Prova reune barcos das mais célebres casas de Vinho do Porto

Em um dia marcado pela chuva intensa e pouco vento, a casa de Vinho do Porto Dalva sagrou-se campeã da tradicionalíssima regata de barcos rabelos – usados para o transporte de barricas de vinho pelo rio Douro – realizada há 31 anos sempre no dia de São João (24 de junho), na cidade do Porto.

Neste ano, a prova, que foi desde o Cabedelo até à Ponte D. Luís, no Porto, contou com 14 embarcações representando as mais diferentes casas de Vinho do Porto e foi extremamente disputada. "Foi corrida fantástica, com a chuva como elemento surpresa e, dos últimos anos, a corrida em que os barcos estiveram juntos durante mais tempo", disse o capitão do rabelo Dalva, Jorge Dias, que venceu a prova em sua terceira participação. Na primeira, o mastro de seu barco se partiu.

"Sabemos que normalmente o São João não se dá muito bem com o São Pedro", brincou Manuel Cabral, presidente do Instituto dos Vinhos do Douro e Porto (IVDP). "A relação entre os dois santos não deve ser a melhor", continuou ao notar que a falta de vento tornou a regata menos movimentada do que o habitual.  "No princípio, é normal haver velas que rasgam e mastros que partem", disse, lembrando que a tripulação dos barcos nem sempre é formada por velejadores profissionais.

Redação
Publicado em 25/06/2014, às 09h18 - Atualizado em 03/12/2014, às 08h04


Mais Notícias