Revista ADEGA
Busca

Vinho - 20.Jul - Canadá

Estudo canadense mostra a dependência do país em vinhos importados


Segundo um estudo publicado pelo Banco de Montreal, a competitividade da indústria vitivinícola canadense pode sofrer no futuro.

Divulgação
A indústria de vinho local cobre um terço desse mercado no Canadá
Entre as razões apontadas, foi destacada a força do dólar canadense, a qual provocou um encarecimento das exportações nacionais, o que torna os vinhos procedentes de países como Argentina ou Austrália mais atrativos para os consumidores locais.

A indústria vitivinícola local cobre por volta de um terço do mercado de vinho no Canadá, um país onde o vinho importado é dominante. Os Estados Unidos e a China são os principais destinos para as vendas de vinho canadense, destacando entre elas as exportações de Ice Wine.

Entretanto, embora o Velho Mundo siga sendo líder entre os vinhos importados, os vinhos do Novo Mundo estão crescendo a taxas maiores nos últimos anos, ganhando terreno. Em 2010, a Espanha ocupou a sétima posição entre os vinhos importados.

Segundo o estudo, os vinhos canadenses devem aproveitar o potencial de países asiáticos como a China, Coréia do Sul ou Índia, especialmente no que se refere à exportação do Ice Wine.

Agora, tem-se pedido a criação de uma rede alternativa de estabelecimentos que intensifique a venda dos vinhos, permitido que ele consiga um papel maior.

OMelhorVinho.com.br - APROVEITE e deguste um ótimo Ice Wine canadense!

Mais notícias sobre vinhos...

+ Voltado para as consumidoras, vinho francês tem rótulo delicado e feminino

+ Vinho sul-africano mostra lado sofisticado em projeto

+ Rio Grande do Sul tem a maior safra já colhida, superando recorde de 2008

+ Jornalistas alemães e austríacos descobrem a serra andaluza, na Espanha

+ Indústria de xerez enfrenta greves em época de colheita

Redação
Publicado em 20/07/2011, às 06h58 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias