Revista ADEGA
Busca

Vinho - 18.Jun

Geada destrói maior parte da colheita na região de Champagne


Uma das piores geadas da história da região de Champagne destruiu a colheita desse ano no sudeste de Côte des Bar. O estrago foi tão grande nos 15 minutos de chuva que é estimado que 1/3 da colheita do próximo ano também tenha sido destruído.

divulgação
Uma das piores geadas da história da região de Champagne

A geada se concentrou mais ao sul de Bar-Sur-Aube, particularmente nas vilas de Urville e ao redor de Bergères e Baroville, o que comprometeu 670 hectares de vinhedos de uvas Pinot Noir.

Em Urville, cerca de 100 hectares de vinhedos (dos 189 existentes), foram completamente destruídos e não produzirão nada esse ano. "O dano é estimado em 130%, porque pelo menos 30% da colheita de 2013 também foi afetada", disse Michael Drappier, proprietário da casa de mesmo nome, a maior da região.

Produtores de subsistência estão ameaçados, mas por causa de estoques poderão produzir quase 3/4 do volume do ano passado. No entanto, usar todo seu estoque de reserva vai deixá-los sem nada para o próximo ano.

"Agora não temos mais estoque de segurança nas nossas adegas. Teremos que ser cuidadosos com as vendas e controlar nosso volume", disse Drappier.

Mais notícias sobre vinhos...

Vinícola lança plataforma online para vender vinhos customizados
Instituto cria sistema de visão artificial para analisar uvas viniferas
Miguel Torres Jr. assume cargo do pai na vinícola da família
Investir em vinho pode ser vantajoso na crise da zona do euro
Diretores da Maison Labouré-Roi são acusados de fraude de vinho

Redação
Publicado em 18/06/2012, às 08h11 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias