Revista ADEGA
Busca

Café - 09.Out - Safra maior

Mesmo em crise, Honduras deve ter produção recorde de café


Café de Honduras se mostra forte internacionalmente
Refletindo o bom efeito climático e os programas de promoção do setor cafeicultor, o país centro-americano que é o segundo maior produtor da América Central terá uma safra de café que deve bater recorde, cenário que se choca com a crise política em que o país se encontra.

O gerente geral do Instituto do Café (Ihcafe), Marcial Flores, estimou que na atual temporada, que começou no dia 1 de outubro, o país produzirá cerca de 3,53 milhões de sacas de café, 10% a mais do que a temporada anterior. Essa estimativa coloca a temporada entre as melhores, já que a de 2007/08, considerada a de maior quantidade do grão, chegou a 3,393 mi de sacas.

"Na bianualidade do café, eu diria que essa temporada é o topo, e ainda vamos agregar a isso programas que visam elevar a produção e produtividade do setor cafeeiro em Honduras", explicou Flores.

Apesar da crise política em que o país se encontra, com o governo golpista sofrendo sanções internacionais, a indústria de café não sentiu que a crise tenha sido refletida nas exportações do grão.

O gerente o Ihcafe comentou que dada a atual procura pelo café hondurenho, que se mostra alta em comparação ao mesmo período de anos passados, a tensão não deve afetar o país nos próximos meses. Os maiores importadores do café hondurenho são os EUA, com 70% e a União Européia, com 20%.

Confira as últimas notícias sobre o mundo do café...

+ Água de esgoto tratada poderá ser usada como adubo nos cafezais

+ Cafezais são favorecidos pelo regime de chuvas no Brasil

+ Área de café na Indonésia não foi afetada pelo terremoto

+ Alemanha é a principal importadora de café peruano na UE

+ Guatemala quer aumentar o consumo de café nacional

Redação
Publicado em 09/10/2009, às 12h59 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias