Pesquisa na Nova Zelândia descobre misterioso composto na Sauvignon Blanc


A uva Sauvignon Blanc da Nova Zelândia contém um misterioso composto que não é encontrado em nenhuma outra região vinícola, de acordo com estudos realizados em um programa de pesquisa sobre os aromas desta uva.

Descoberto pelo alemão Franck Benkwitz, que participa da pesquisa, este composto é inodoro, mas ao entrar em contato com outros componente do vinho, poderia ser a causa de aromas tão particulares do Sauvignon da Nova Zelândia. Já se sabe que a Sauvignon Blanc neozelandesa é a mais rica em methoxypirazinas, tióis, ésteres e álcoois C6 do que os Sauvignon Blanc de outras regiões do mundo.
Fernando Roveri

Publicado em 23 de Novembro de 2006 às 14:00


Notícias