Revista ADEGA
Busca

Região da Estremadura investe no mercado internacional


Os produtores de vinho da Região da Estremadura estão decididos a apostar no mercado internacional e comercializar o vinho produzido na região cuja venda é mais restrita ao mercado de Portugal, com o mercado já saturado. O país apresenta, anualmente, uma produção excedente de 30 %.

Para investir no mercado internacional, pequenos produtores e adegas marcam presença em feiras internacionais, apostando cada vez mais na melhoria da qualidade, mas também na divulgação de seus produtos. Atualmente, 70% dos vinhos produzidos na Região da Estremadura são comercializados em Portugal. A porcentagem restante destina-se ao Reino Unido, Escandinávia, Estados Unidos, Brasil e Angola. A intenção é aumentar o número de países para exportação do vinho.

Fernando Roveri
Publicado em 06/10/2006, às 15h34 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h44


Mais Notícias