Revista ADEGA
Busca

Robô que auxilia na poda dos vinhedos chega aos vinhedos do Oregon

Wall-Ye, como é chamado, pode ser controlado por iPad e é capaz de trabalhar 12 horas por dia sem cometer erros


O estado do Oregon, nos Estados Unidos, recebeu esta semana o Wall-Ye, um podador robótico que promete ajudar os enólogos da região no processo de viticultura. O robô, inventado por Christophe Millot, pode ser controlado por iPad e pode trabalhar 12 horas por dia sem cometer erros. 

Divulgação

Wall-Ye vai ajudar na poda dos vinhedos

O podador robótico recebeu o nome de Wall-Ye por ter uma grande semelhança com o Wall-E, personagem criado pela Pixar em 2008. Wall-Ye foi testado em um vinhedo da cidade de Carlton, Oregon. De acordo com Millot, já foram vendidos 30 exemplares do robô para produtores franceses ao preço de US$ 30 mil.

O tamanho de Wall-Ye é semelhante ao de um cortador de grama, é equipado com três câmeras e um software para garantir que fique armazenado em sua memória cada tipo de poda usada nas diferentes épocas do ano.

Wall-Ye também foi projetado para proteger as vinhas de pássaros e veados a partir de sensores infravermelhos ativados no período noturno. Os sensores são capazes de captar movimento a 150 metros de distância e emitem um laser não prejudicial aos animais para afugentá-los das plantações.

Christopher Millot comentou que, desde o lançamento do robô em 2012, tem enfrentado oposição na França, onde a poda manual é uma tradição milenar.

Redação
Publicado em 09/04/2014, às 08h11 - Atualizado em 03/12/2014, às 08h04


Mais Notícias