Revista ADEGA
Busca

Vinho - 22.Abr - Bordeaux

Abismo entre vinhos de Bordeaux aumentou nos últimos anos


Região de Bordeaux, no sul da França
A palavra Bordeaux associa-se logo às imagens de fabulosos chateaus e vinhos, vendidos por centenas até milhares de dólares. Mas nem só de garrafas ultra-exclusivas vive a mais celebrada das regiões vitivinícolas. Esse destino, ao sudoeste francês, produz anualmente uma média de 800 milhões de garrafas por ano.

Para cada grande Chateau, há centenas de outras pequenas fazendas produtoras das quais a maiorias dos apaixonados por vinho nunca ouviu falar.   

Entre rótulos consagrados como o Chateau Lafite e Petrus e as garrafas menos conhecidas, além de uma grande diferença na fama, há um abismo nos preços entre os produtos. Abismo que só aumentou nos últimos anos.

Novo estudo feita publicado pelo Escritório de Comida, Agricultura e Floresta reporta que as cinco principais regiões de Bordeaux são responsáveis por apenas 5% da área vitivinícola da região, mas representam 50% do valor dos vinhos da região.  

                 MAIS: Siga a Revista ADEGA, agora no Twitter!

Essas vinícolas - Pomerol, Margaux, St.-Julien, St.-Estèphe and Pauillac - exportam 10% do vinho da região em quantidade e metade em dinheiro. Desde 1991, o valor dos vinhos destes cinco grandes produtores tem crescido vertiginosamente representando atualmente um preço de 800,000 euros por hectare. Nos outros 39 locais, a preço é de 34,000 euros o hectare, queda de 16% em relação a 1991.

"O mercado para os líderes está evoluindo numa direção muito diferente do resto, já que as denominações de prestígio servem como um investimento, e não somente para beber", disse o autor do estudo, Jacky Bonotaux. "Por exemplo, um hectare de Pauillac é igual a 12 hectares de Listrac ou Moulis [hoje] em comparação com 3 hectares, cerca de 20 anos atrás".

Um olhar mais atento mostra que os preços de algumas denominações, como Saint-Emilion, mantiveram-se bastante estáveis ao longo dos últimos 17 anos, enquanto outros, como Graves ou Médoc, perderam um quarto, ou mesmo a metade do seu valor.

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Espanha vai investir 65 milhões de euros no setor vinícola nacional
+ Safra 2009 de Bordeaux demora a deslanchar

+ Dez coisas que todo amante de vinhos deve fazer
+ O Melhor Vinho do Dia: Uma homenagem ao Dia do Índio!

+ Congresso dos EUA discute aprovação de lei que restringe o comércio de vinho


Redação
Publicado em 22/04/2010, às 11h17 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias