Revista ADEGA
Busca

02.Set - Queimar a língua nunca mais!

Alemães criam caneca que preserva a temperatura do café


Os amantes do café terão um problema a menos
Como já se sabe, o consumo de café no mundo vem aumentando num ritmo de 2% ao ano. Atualmente, 130 milhões de sacas (60 quilos) de café são consumidas a cada ano. Por causa dessa paixão mundial, pesquisadores do Instituto de Fraunhoffer, na Alemanha, desenvolveram um tipo de xícara projetada para manter a bebida pelo maior tempo possível na temperatura ideal.

O truque dos cientistas está na utilização de PCM (Phase Change Materials), substâncias que mudam de estado físico de acordo com as temperaturas em que estão. O jornal alemão Spiegel lançou a notícia de que os pesquisadores estabeleceram a temperatura ideal do café como estando nos 58º Celsius. Foi então projetada uma caneca "oca" de porcelana, cujo interior de suas paredes é forrado com uma espécie de colméia de alumínio, preenchida com PCM que se liquefaz a essa temperatura.

Ao entrar em contato com a bebida quente da caneca, o PCM absorve seu calor e resfria a bebida até que ela chegue à temperatura ideal. A partir daí, o material pára de receber calor e se comporta da maneira inversa, devolvendo a energia ao café. Desta maneira, a temperatura permanece estável por mais tempo.

De acordo com o chefe do departamento de pesquisa, Klaus Sedlbauer, a bebida terá sua temperatura mantida por cerca de 25 minutos. O instituto já está entrando em contato com empresas interessadas em comercializar a nova caneca, que ainda não tem preço estimado.

Confira as últimas notícias sobre o mundo do café...

+ Aumento nas exportações de café brasileiro

+ Realizada na Alemanha maior "festa do café" do mundo

Redação
Publicado em 02/09/2009, às 15h26 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias