Revista ADEGA
Busca

Vinho - 10.Dez - Mouton

Após escolher artista chinês, Mouton 2008 quase dobra de preço


Rótulo feito por chinês impulsionaou valor do Mouton 2008
Os vinhos Chateau Mouton Rothschild 2008 quase dobraram de valor depois que o artista chinês Xu Lei foi confirmado como responsável pela elaboração do rótulo.

No final de novembro, o vinho foi negociado por 7,898 euros a caixa, sendo constatada, portanto, uma valorização de 85.7% em relação a seu preço em 4,254 euros.

Isso garantiu ao Mouton 2008 o segundo lugar entre os vinhos que mais se valorizaram em 2010, atrás apenas de seu "vinho-irmão", o Lafite (outro ícone de Bordeaux). Ao longo do ano 192,5% em comparação com novembro do ano passado.

Essa é a segunda vez que um artista chinês é convidado para produzir o rótulo de um Mouton. Em 1996, Gu Gan foi designado.

ESPECIAL: Lafite Rothschild: IGW da década - Que aplicação rendeu 857% nos últimos 10 anos? Uma garrafa de Château Lafite Rothschild 

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Tarantino realiza fetiche bebendo champanhe nos sapatos de Uma Thurman
+ Pesquisa australiana ajuda a desvendar gosto do consumidor
+ Compositor de Cats leva seus vinhos a leilão
+ Fraude envolvendo vinho leva 20 pra cadeia, na Inglaterra
+ "Britânicos não entendem nada de vinho", diz pesquisa

Redação
Publicado em 10/12/2010, às 12h27 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias