Vinho - 9.Abr.

Área destinada a viticultura orgânica dobra na Alemanha


Nos últimos quatro anos, o mercado de vinhos orgânicos, produzidos sem pesticidas ou fertilizantes, ganhou inúmros adeptos na Alemanha, cresceu e atingiu os cinco mil hectares de área plantada.

Ernst Büscher, do Instituto Alemão de Vinho, disse que atualmente os vinhedos orgânicos equivalem a 5% da área total da Alemanha. "A marca '''orgânico''' é hoje um valor agregado que os consumidores levam para casa. Eles estão aliados a um conceito de alta qualidade, além de contribuir para uma produção ecológica de alimentos", diz Büscher.

A Alemanha é líder mundial na venda vinhos orgânicos, ao lado da Itália e da Grécia; já do ponto de vista de volume e área plantada, o titulo vai para a Espanha, que possui 54 mil hectares de vinhedos cultivados ecologicamente, seguido pela Itália e França.

Para o comerciante de vinhos Matthias Baumann, o boom do vinho orgânico não é, de forma alguma, uma tendência passageira. "Ele já deixou há muito tempo o nicho do consumidor de alto padrão e do público altamente envolvido. Cada vez mais pessoas crescem consumindo vinho orgânico. Nós prevemos que ele se tornará padrão em 20 anos", completou.

Mais notícias sobre vinhos...

Áustria nomeia outra denominação de origem vitivinícola
Microbiologistas estudam fermentação do vinho para previnir danos
Encontrado no vinho tinto novo composto que bloqueia células de gordura
Urugai prevê recorde de exportação de vinho em 2012
Grupo vinícola cria passeio enoturístico com helicóptero

Da redação

Publicado em 9 de Abril de 2012 às 07:32


Notícias