Revista ADEGA
Busca

11.mar - Assembleia Nacional Francesa permite

Assembleia Nacional Francesa permite propaganda de bebida alcoólica na internet



A medida ainda tem de ser aprovada pelo Senado, mas é uma grande vitória para a indústria francesa de bebidas. A ministra da Saúde, Roselyne Bachelot apoiou a alteração da lei Evin. Ela argumentou que o governo não foi insuficiente com as leis, mas que aceitou a realidade da era da Internet.

Damien Bonnabel, de findawine.com, um dos principais  apoiadores do lobby pró-vinho, ficou muito satisfeito com a alteração. "Aqueles que foram contra á medida continuam a acreditar que a Internet é um lugar sem leis, onde todos os usuários são menores de idade... o que não é, evidentemente, a realidade." Disse ele ao site decanter.com

Algumas outras medidas aprovadas foram: o aumento da idade mínima para a compra de álcool, que passou de 16 para 18 anos. Além disso, bares com emblemas de "beba o quanto você quiser" serão proibidos. No entanto, o texto permite degustações profissionais em Chateaux, feiras e festas tradicionais. Outra medida vai proibir a venda de bebidas alcoólicas nas estações de serviço após a 6 horas da tarde.


"O lobby anti-álcool terá isso como uma vitória para a indústria vinícola, mas o que aconteceu foi nada mais do que colocar as coisas novamente em equilíbrio. A ideia de que a Lei Evin não deve ser atualizado para refletir as realidades de hoje foi absurdo, a idéia de que vinho e degustações em CHATEAUX deveria ser ilegal também foi claramente ilógico", acrescentou Bonnabel.

Redação
Publicado em 11/03/2009, às 11h20 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h45


Mais Notícias