Revista ADEGA
Busca

Vinho - 28.Mar

Beber vinho reduz risco de morte pós-infarto em homens


Homens que bebem vinho ou cerveja moderadamente depois de terem sofrido um infarto correm menos riscos de morrer do que os que não consomem vinho nenhum. 

divulgação

A pesquisa revelou que homens que bebem até dois copos de vinho diários, cerca de 125 ml, reduziram o risco em  42%  de morte por qualquer problema cardiovasculas e em 12% a morte porque outras causas.

Os pesquisadores monitoraram 1.818 homens com idades acima de 20 anos que tenha tido um ataque cardíaco, entre 1986 e 2006;A cada quatro anos eles eram questionados sobre seus hábitos alimentares e sobre o consumo de vinho. Durante este período, 468 homens morreram.

"Nossas descobertas mostram claramente que consumo a longo prazo por homens que já sofreram um ataque cardiaco reduziu o risco de mortalidade por acidentes cardiovasculares" disse a coordenadora do estudo, Dr. Jennifer ai, professora assistente do Departamento de Medicina do Hospital Brigham and Women e da Escola de Medicina Harvard.

Jennifer lembra que o estudo foi feito com um foco em homens, e que pode não ter o mesmo efeito em mulheres;

Mais notícias sobre vinhos...

Fundação realiza harmonizaçao de vinho para construção de casa de repouso
Morre John Avery, um dos mais importantes vendedores de vinhos da Inglaterra
Vendas de vinho crescem 181% na última década no Canadá
União Europeia cria projeto para revitalizar vinhedos de ex-mafioso
Espanha desenvolve estudo para diminuir concentração de aminas em vinhos

Redação
Publicado em 28/03/2012, às 08h16 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias