Vinho - 08.Jun - Lições da África

Brasil quer aprender com vinhos sul-africanos


Em época de Copa do Mundo, o Brasil tem motivos, além do futebol, para se voltar para a África do Sul. A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) juntamente com a Embaixada do Brasil em Pretória estão procurando aprender com os produtores de vinho sul-africano.

Nos últimos anos, a África do Sul se tornou um dos principais exportadores de vinho entre os países do "Novo Mundo", ocupando o nono lugar entre os maiores da indústria vitivinícola mundial. Com 102 mil hectares de vinhedos plantados, o país africano produz atualmente 3% de todos os vinhos do mundo.

O objetivo é melhorar a qualidade da produção nacional e tentar utilizar as estratégias bem sucedidas na África do Sul no Brasil. A intenção é que esta tecnologia de produção possa ser empregada nas regiões brasileiras produtoras de vinho.

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Para expandir seu mercado, Espanha traz vinhos para o Brasil

+ Viticultores franceses aderem à causa ambiental

+ Chineses podem comprar marca australiana de vinhos

+ Principal concorrente do champanhe é o viagra, diz executivo francês

+ Copa do Mundo deve aumentar interesse por vinhos sul-africanos

+ Espumantes brasileiros participarão da SP Fashion Week 2010

Da redação

Publicado em 8 de Junho de 2010 às 08:48


Notícias