Café - 22.Out - Saúde

Café pode agir contra doenças no fígado


A bebida pode estacionar a progressão de doenças hepáticas

Pesquisas realizadas em Washington encontraram mais uma boa razão para se consumir café: várias xícaras por dia da bebida pode conter a progressão de doenças hepáticas.

Alguns pacientes que apresentam hepatite C - e outras doenças que destroem o fígado ao poucos - e que consomem mais de três doses de café por dia reduzem o risco da doença progredir em 53%, comparados ao que não ingerem a bebida. Esses dados foram obtidos através de estudos comandados por Neal Freedman, do US Nacional Cancer Institute (Instituto Nacional do Câncer dos EUA).

Para que a pesquisa fosse realizada, 766 pacientes com hepatite C, que não respondiam a nenhum dos outros tratamentos disponíveis, foram convidados a participar do estudo. Eles reportavam a cada três meses quantas xícaras de café bebiam por dia, durante quatro anos.

Duas biópsias no fígado foram feitas durante o processo, no primeiro e terceiro ano da análise, para determinar a progressão da doença. "Foi observada uma associação inversamente proporcional entre a quantidade de café ingerida e a progressão da doença", comentou um pesquisador.

Eles ainda apresentaram diversas maneiras de o café proteger o fígado, como sua capacidade de prevenir o diabetes tipo 2 (que está associada com a incapacidade de o órgão produzir insulina) e reduzir riscos de inflamação (que pode causar fibrose ou cirrose hepática).

Confira as últimas notícias sobre o mundo do café...

+ Consumo de cafés especiais no Espírito Santo cresce 25% desde 2007
+ Mexicanos impulsionam plantio de café
+ Safra de café aumenta 24% em 2008
+ Safra de 2010 da Colômbia deve ser de pelo menos 11 milhões de sacas
+ Japão se torna grande consumidor de café

Da redação

Publicado em 22 de Outubro de 2009 às 12:20


Notícias