Vinho - 04.Ago - De olho no gigante asiático

Casta grega será cultivada pela primeira vez na China


A casta Xinomavro será plantada na península de Gansu

Com um investimento de 74 milhões de dólares, a produtora grega Kir Yanni e a chinesa Magao resolveram unir forças para começar a cultivar as primeiras videiras da casta Xinomavro no gigante asiático.

Esta será a primeira vez que uma variedade tipicamente grega é plantada na China e o intuito, segundo o enólogo da Kir-Yanni, Mihalis Boutaris, é produzir um vinho "acima da média para fenomenal".

Orientados por Edward Ragg da consultoria chinesa China''s Dragon Fine Wine, os produtores decidiram não cultivar suas videiras na região de Shandong, onde várias outras empresas vitivinícolas já iniciaram projetos, como o Lafite/CITIC. O consultor indicou a província de Gansu, ao norte chinês, como o melhor local para iniciar a plantação da casta grega, por causa de seu clima de deserto alpino, semelhante ao do norte da Grécia.

Os projetos para a nova produção são grandes. A previsão, segundo Boutaris, é que dessa primavera para os próximos anos, os vinhedos de quatro hectares cheguem aos 150 hectares. O cultivo de outras seis variedades de uvas está sendo planejado, entre elas estão castas alemãs que o produtor grego acredita que irão "muito provavelmente, prosperar".

ESPECIAL: A velha e a nova Grécia - Com detalhes bem acabados por dentro e por fora, Domaine Gerovassiliou, na região da Tessalônica, abriga um pouco da história do vinho grego

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Loja Vinhedos comemora parceria com vinícola Paulo Laureano
+ Enólogo do Don Melchor, Enrique Tirado, fará encontros no Brasil
+ Importações de vinho crescem 28% no mercado brasileiro
+ Empresário processa casa de leilões por vender vinho falso
+ Francis Coppola constrói piscinas em sua vinícola

Da redação

Publicado em 4 de Agosto de 2010 às 06:45


Notícias