Revista ADEGA
Busca

Centro Aquático de Londres será reduzido



O centro aquático que será construído para os Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, contará com cinco mil poltronas a menos que o estabelecido na planta original e com uma cobertura menos ambiciosa, segundo divulgação feita nesta segunda-feira 27 pelos organizadores do evento.


A primeira planta das instalações, elaborada pelo arquiteto Saha Hadid, foi rejeitada pela ministra de Cultura britânica, Tessa Jowell, pois necessitaria de um orçamento duas vezes maior que o anteriormente esperado. A nova planta, apresentada nesta segunda, mostra um centro aquático menor que o inicial, com 15 mil poltronas em lugar das 20 mil que do esquema anterior. Além disso, a cobertura também sofreu uma diminuição.


Os organizadores dos Jogos de 2012 não revelaram o custo do novo esquema, embora o presidente do comitê organizador dos Jogos de Londres, Sebastian Coe, tenha dito que estas informações serão divulgadas no seu devido tempo. A construção do centro aquático começará em meados de 2008 e deve acabar em 2011. Nele, haverá duas piscinas de 50 metros: uma destinada a treinos e outra para competição, além de uma terceira para competições de saltos.

Fernando Roveri
Publicado em 29/11/2006, às 15h03 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h44


Mais Notícias