Vinho - 7.Dez

Château Mouton Rothschild escolhe Anish Kapoor para ilustrar o rótulo da safra 2009

Indiano, um dos principais artistas contemporâneos, foi escolhido para ilustrar o rótulo da safra que está chegando ao mercado


O artista plástico indiano, Anish Kapoor foi escolhido pela Baronesa Philippine de Rothschild, proprietária do Château, para ilustrar o rótulo

Divulgação
Rótulo do Château Mouton Rothschild 2009 feito pelo artista indiano
  do vinho Château Mouton Rothschild 2009. Todos os anos, desde 1945, um importante artista é escolhido para ilustrar a etiqueta do principal vinho da propriedade, uma das mais célebres do mundo. Nesse tempo, obras de artistas como Salvador Dalí, Pablo Picasso, Marc Chagall, Joan Miró, entre outros, já ilustraram os rótulos do Châteu.

Conhecido por suas instalações monumentais de formas simples (usando muito a relação côncavo e convexo) e cores chapadas (ou então espelhos que invocam essa noção de complementaridade), Kapoor nasceu em Mumbai, Índia, no ano de 1954, e vive na Inglaterra desde 1972.

O artista ganhou reconhecimento mundial na década de 1980, com suas esculturas. Logo suas obras foram incluídas em grandes   
Divulgação
Artista indiano Anish Kapoor
  exposições e estão no acervo dos principais museus do mundo. Além disso, suas intervenções em lugares públicos como no Rockefeller Center em Nova Iorque, por exemplo, sempre atraem multidões. Sua instalação nomeada de Leviathan, no Grand Palais, em Paris, lugar dedicado a exposições de grandes artistas, recebeu mais de dez mil visitantes neste ano e ele foi comissionado para ser o designer da escultura oficial dos Jogos Olímpicos de Londres.

Descrito, pelo Château como "ao mesmo tempo austero e extravagante, o guache que ele criou para o Mouton Rothschild 2009 expressa o impulso fecundo da vida vegetal, o resultado de um encontro intenso entre matéria e luz". A safra 2009 em Bordeaux é tida como uma das melhores dos últimos anos, comparada até a de 2005, quando os preços dos vinhos atingiram patamares incríveis. O vinho é descrito como tendo uma cor muito profunda, quase negra. O nariz elegante e complexo exibe aromas de tabaco, groselha, mirtilo e louro que se misturam com sutis notas de cedro e notas de especiarias. O mesmo refinamento e densidade podem ser encontrados no palato com taninos nobres e bem arredondados, revelando notável estrutura e equilíbrio até o final longo e opulento.

Da redação

Publicado em 7 de Dezembro de 2011 às 10:17


Notícias