Cientistas decifram o genoma da videira


Cientistas de um consórcio franco-italiano divulgaram na edição on-line da Revista científica britânica Nature os resultados de uma pesquisa para seqüenciar o genoma da videira. A espécie escolhida foi a Vitis vinifera, a mais usada na produção do vinho, e responsável pela uva Pinot Noir. Com esta descoberta, os cientistas podem pesquisar novas formas de combate a doenças e pragas, além de estudar melhor os aromas contidos no vinho. Um dos artigos da pesquisa faz referência ao "resveratrol", substância associada aos possíveis efeitos benéficos da ingestão de doses moderadas de vinho tinto.

Alexandre Saconi

Publicado em 27 de Agosto de 2007 às 11:40


Notícias