Revista ADEGA
Busca

Vinho - 06.Ago - Polêmica

Com mais de 500 anos, "Vinha Mãe" é envenenada nos Estados Unidos


Apesar dos esforços de especialistas, as folhas mortas estão chegando perto do tronco
No começo deste ano, nos Estados Unidos, um trabalhador foi contratado pela empresa de energia Dominion Power Company para espirrar spray herbicida em cipós e arbustos que ameaçavam as linhas da companhia, na Carolina do Norte.

Dessa maneira, quando ele se deparou com uma enorme videira, cujos pedúnculos estavam subindo em uma das linhas da empresa que o contratou, o funcionário obedientemente espirrou herbicida nela.

No entanto, aquela não era uma simples planta. As folhas em que o empregado da empresa espirrou veneno faziam parte de uma videira conhecida como Vinha Mãe, um tesouro histórico com mais de 500 anos, segundo pesquisadores. Acredita-se que a planta foi cultivada por índios que habitavam a região antigamente e faziam vinho a partir de uvas brancas chamadas Scuppernong.

Poucos dias depois de terem sido atacadas pelo herbicida, as plantas da videira começaram a ficar amarronzadas e a morrer, apesar dos esforços de diversos especialistas para tentar salvá-las.

De acordo com Jack Wilson, proprietário do terreno onde a videira está, as folhas mortas estão começando a chegar cada vez mais perto do tronco. Estudiosos já recomendaram adubação e rega da vinha, em um esforço para estimular o crescimento de novas folhas. As plantas mortas estão sendo cortadas para evitar que o veneno se espalhe.

ESPECIAL:Aquecimento global e o "vinho do futuro" - Como a indústria do vinho será afetada com o aumento da temperatura do planeta? Como será o estilo do vinho diante dessa nova conjuntura?

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Arqueólogos acreditam ter encontrado adega do período Bizantino

+ Escavações trazem mais descobertas sobre cultura do vinho no Império Romano

+ Em defesa da cortiça, organização lança projeto de reciclagem

+ American Airlines ganha prêmio por sua seleção de vinhos

+ Cono Sur utilizará riquixás como transporte para evento em Londres

Redação
Publicado em 06/08/2010, às 07h32 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias