Revista ADEGA
Busca

Começa processo para certificar vinho Goethe


Os produtores do vinho Goethe da região de Urussanga e Pedras Grandes deram um importante passo rumo à certificação junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). Foi instituído, nesta quarta-feira 21, em Urussanga, o conselho regulador - que irá verificar se os vinhos produzidos estão de acordo com as normas exigidas para conquistar a indicação geográfica e o selo de qualidade Pró-Goethe - e a banca de degustação, que avaliará a qualidade do vinho produzido. O pedido de certificação deve ser encaminhado ao INPI em maio. O conselho é formado por três representantes de vinícolas produtoras de vinho Goethe, dois representantes dos produtores de uva Goethe, um doutor em enologia da Epagri, um doutor em fruticultura da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e um representante da Sociedade Brasileira de Enologia. O certificado do INPI é o reconhecimento de que a propriedade intelectual do vinho Goethe pertence a Urussanga e Pedras Grandes . A certificação também caracteriza o tipo de região onde o produto é fabricado.

Fernando Roveri
Publicado em 22/03/2007, às 11h22 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h44


Mais Notícias