Revista ADEGA
Busca

Vinho - 05.Out - Segundo a Wine Intelligence

Consumidor chinês de vinho usa internet para pesquisar sobre produto, diz pesquisa


Consumidores de vinho chineses usam a internet e mídias sociais como fonte de informações muito mais do que seus colegas ocidentais, de acordo com um estudo.

Divulgação
Três quartos dos consumidores de vinho entrevistados pela wine Intelligence disseram que eles frequentemente pesquisam na web informações sobre vinho com 62% usando com frequência mídias sociais como fonte.

Esses consumidores "altamente conectados" são muito menos propensos a confiar em recomendações de funcionários de lojas (32%) ou amigos e família (39%).

A Wine Intelligence disse que a pesquisa, concluída por meio de entrevistas com mais de mil chineses de classe média e que consomem vinho importado, oferece um contraste "dramático" com os países ocidentais, onde recomendações de amigos e familiares são consideradas bem mais importantes.

A companhia adicionou que os novos consumidores de vinho na China estão cada vez mais dependentes no mundo digital para aprender mais sobre vinhos, com uma estimativa de 13 mil chineses adultos acessando informações online com frequência.

"O consumidor chinês de vinho importado de hoje em dia é altamente conectado e confortável em usar o mundo digital para aprender mais sobre vinhos", disse Maria Troein, autora da pesquisa e executiva sênior do projeto na Wine Intelligence.

MAIS:China e Hong Kong confirmam domínio nas exportações de Bordeaux

Mais notícias sobre vinhos...

+ Coleção dos principais vinhos de Bordeaux irá a leilão

+ Château Premier Grand Cru lança vinho voltado para mercado jovem

+ Vinícolas adotam código QR em rótulos de vinho

+ Festival da Lua em Bordeaux aproxima e surpreende asiáticos

+ A banda de heavy metal Motörhead lança seu próprio vinho

Redação
Publicado em 05/10/2011, às 07h10 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias