Revista ADEGA
Busca

23.abr - Vinho estrangeiro cresce na Espanha

Consumo de vinho estrangeiro cresce mais de 50% na Espanha


O consumo de vinho estrangeiro cresceu 50,8% na Espanha entre janeiro e dezembro do ano passado, em comparação com o mesmo período de 2007.

As vendas alcançaram a marca de 25,5 milhões de euros, com destaque para os espumantes franceses e os tintos italianos.

A surpresa ficou por conta dos vinhos chilenos e norte-americanos, que ganharam espaço no mercado espanhol. Por outro lado, os fermentados argentinos e australianos venderam menos do que no ano retrasado.

O preço total das importações de vinho em 2008 ficou nos 239 milhões de euros, 7,3% a mais do que em 2007.   

+ Mais notícias sobre vinhos da Espanha:

+ Espanha faz controle de maturação por satélite

+ Espanha sai em defesa da rolha de cortiça 

+ Batalha do vinho na Espanha

+ A Espanha é o produtor de vinhos mais competitivo no mundo

+ Espanha apóia pesquisas para aprimorar seu setor vitivinícola

Redação
Publicado em 23/04/2009, às 12h47 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias