Revista ADEGA
Busca

Vinho - 29.Fev.

Criada primeira rede social inteiramente para o mundo vinícola


Ao final de 2011 uma empresária apreciadora de vinhos e seu marido tiveram uma idéia e criaram uma rede social  especializada para apreciadores de vinhos.

Divulgação
Gemma Rojas, criadora do Vinthink

A rede, chamada de Vinthink, já possui cerca de 2500 usuários registrados, e funciona como um "Facebook dos vinhos", como disse sua criadora Gemma Rojas.

A proposta é compartilhar opiniões e notas sobre vinhos degustados pelos usuários, além de criar uma base de dados, em constante atualização, que já possui 59 mil vinhos cadastrados de 11 mil vinícolas diferentes.

Segundo Gemma a ideia surgiu quando ela e seu marido foram jantar e não lembravam o nome do vinho que haviam tomado no dia anterior, e por isso decidiram criar uma base de dados para armazenar as informações.

"Como ele é programodor, decidiu criar um pequeno aplicativo para armazenar os vinhos que fosse provando" disse ela sobre o marido; "E assim nasceu o projeto, que levamos anos para desenvolver e materializar".

Além da interação social é possui fazer buscas de vinícolas, regiões e uma lista de seus vinhos favoritos.

Os profissionais da área podem criar perfis públicos que podem ser "seguidos" por outros usuários que se interessem pelo conteúdo deles.

Mais notícias sobre vinhos..

Exportações de vinhos argentinos crescem 500% nos últimos 20 anos
Leilão de vinhos beneficente bate recorde de arrecadação
Comércio de vinhos nacionais cresceu 7% no Brasil
Gerente do Moët Hennessy é preso por roubo de vinhos
Enólogo Noël Pinguet pede demissão depois de mais de 30 anos na Domaine Huët

Redação
Publicado em 29/02/2012, às 10h28 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias