Vinho - 24.Mar - Debate

Em busca do público jovem, espanhóis tentam aproximar vinho da moda e cultura


Com o objetivo de aproximar os produtores espanhóis e criar uma identificação para os vinhos do país, a publicação Mercados do Vinho e da Distribuição organizou esta semana o Debate: "Objetivo Exportação 2011", que contou com mais de 50 profissionais do mundo do vinho no mercado local.

O evento aconteceu no Hotel Westin Palace, em Madri, e ofereceu um belo café da manha a todos os participantes. O debate foi centrado em análises das diferentes estratégias para melhorar a exportação do vinho e teve destaque especial para a questão da utilização da marca "Espanha" por parte do setor bodegueiro, a fim de criar um valor aos vinhos espanhóis perante o mercado estrangeiro.

Entre as personalidades presentes no evento, que teve como mediadora Monica Munoz Blanco, presidente da Conteúdos Econômicos Verticais (CEV), destacaram-se a presença de Felix Solís, presidente da Federação Espanhola de Vinho, e Eduardo Tamarit, secretário geral do Ministério do Meio Ambiente e Meio Rural e Marinho da Espanha.

Entre os principais pontos discutidos também esteve a necessidade de se incrementar a eficiência das ajudas públicas para a promoção do vinho em países estrangeiros. Já os representantes do governo alertaram as bodegas para a importância de saber aproveitar as ajudas para a promoção, assim como ter uma estratégia dirigida ao público jovem através de relações com setores como moda, gastronomia e cultura.

Mais notícias sobre o mundo dos vinhos...

Pesquisa aponta que consumo moderado de bebidas alcoólicas pode prevenir contra a demência

Evento na Croácia reúne vinho, gastronomia e música brasileira

Para manter cenário vinícola, produtores de Rioja protestam contra ampliação da rede elétrica na região

Novo bar londrino é dedicado a vendas exclusivas de vinhos de Jerez

Renomado vinho italiano é aprovado para importação nos Estados Unidos

Da redação

Publicado em 24 de Março de 2011 às 09:18


Notícias