Revista ADEGA
Busca

Vinho - 26.Mar

Espanha desenvolve estudo para diminuir concentração de aminas em vinhos


O Conselho Superior de Investigações Cientificas (CSIC) da Espanha está desenvolveu um estudo para reduzir a concentração de Aminas Biogênicas no vinho.

divulgação

As aminas biogênicas são compostos nitrogenados, presentes em alimentos e bebidas fermentadas, que em baixa quantidades ajudam no desenvolvimento de funções metabólicas e fisiológicas, mas em altas concentrações podem causar alergias e outros malefícios a quem ingere.

Os pesquisadores da CSIC, junto com o Instituto em Ciências da Alimentação e a Universidade Autônoma de Madrid, descobriram que um fungo encontrado naturalmente em vinhas pode diminuir a concentração do composto na bebida.

"O procedimento, testado em vinhos brancos e tintos, se baseia na utilização de extratos de um fungo proveniente da vinha, que permite que a matéria-prima do vinho seja o mesmo principio ativo para diminuir a produção de aminas", explicou a pesquisadora do CSIC, Victoria Moreno-Arribas.

Esse fungo é capaz de equilibrar as altas taxas de histamina, tiramina e putrescina, as aminas biogênicas encontradas em grande quantidade nos vinhos, além de não alterar em nada as propriedades da bebida.

Mais notícias sobre vinhos...

Exportações de vinhos superam mercado automotivo na Itália
Sotheby realiza segundo maior leilão de vinhos da sua história
Embaixador turco acusado de usar dinheiro público para comprar vinhos
Criado primeiro colégio oficial de enólogos na Espanha
Industria vinícola assina acordo para diminuir teor alcoólico de vinhos

Redação
Publicado em 26/03/2012, às 09h50 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias