Revista ADEGA
Busca

31.dez - Expectativas para o vinho em 2009

Estudo revela expectativas para o mercado do vinho em 2009


Acaba de ser publicado pela Corporação Chilena de Vinhos um artigo sobre as expectativas para o cenário do vinho em 2009. Segundo o texto, o mercado asiático continuará sendo o protagonista no setor durante 2009, com um consumidor de bom nível econômico e com mais inclinação para experimentar diferentes opções, como vinhos biodinâmicos, sem álcool, novas embalagens e formatos.

Nos mercados emergentes como a China, a Rússia ou a Índia, o consumo de vinhos mais baratos aumentará, e mesmo com crescimento da instrução do consumidor, não se poderá falar de introduzir vinhos de qualidade nas mesmas proporções: a quantidade será a premissa fundamental.

         De acordo com os dados do estudo, enquanto os mercados tradicionais, como Inglaterra, certos países europeus e Estados Unidos vão continuar adquirindo vinhos de qualidade, porém em menor quantidade, e poderão até comprar vinhos mais baratos. Quer em um caso como no outro, existe um denominador comum que os produtores não devem ignorar que é a noção de que os consumidores buscarão um vinho com marca, o que levanta a questão sobre o futuro do vinho a granel.

A pesquisa também diz que haverá algumas modificações, porém os três principais produtores mundiais de vinho continuarão sendo França, Itália e Espanha.

Segundo o artigo, não é preciso se preocupar muito com o impacto econômico que a crise mundial pode ter sobre o mercado do vinho, e também diz que os produtores que têm uma gama de vinhos de todas as qualidades e os preços serão os mais afortunados.

Redação
Publicado em 31/12/2008, às 17h15 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h45


Mais Notícias