Vinho - 25.Ago - Economia

Exportação de vinho brasileiro cresce 40% no primeiro semestre


As exportações brasileiras de vinho cresceram 40% na primeira metade de 2011 - com o mercado do Reino Unido tendo a maior parte das exportações, mais de 2% no ano passado, de acordo com a Ibravin.

Wines from Brasil
O Brasil exportou mais de US$1,2 milhão em vinhos
Com os seis meses terminando no dia 30 de junho, as companhias-membro do Wines of Brasil venderam mais de US$1,2 milhão em vinhos brasileiros em 27 países, mais de US$853 mil a 20 destinos. O Reino Unido permanece como o principal mercado de vinho para o nosso país, mais de 15% em 2010 e 17% em 2011.

A China é um mercado novo para as marcas brasileiras, e está entre os dez principais consumidores.

"Nosso objetivo para esse ano é exportar mais de US$4 milhões de vinhos finos brasileiros engarrafados", disse Andreia Gentilini Milan, gerente de exportações do Wines of Brasil.

Onze vinícolas exportaram seus vinhos a 27 países de janeiro a junho desse ano - um acréscimo de sete países comparado ao mesmo período no ano passado. O Reino Unido, Colômbia, Holanda, EUA e Alemanha, nessa ordem, são os cinco principais consumidores dos vinhos brasileiros, no primeiro semestre desse ano.

Gentilini Milan apontou que o valor médio de exportações cresceu 114% de janeiro a junho, comparado com o mesmo período em 2010. "Isso significa que nós estamos exportando produtos com maior valor acrescentado", ela explicou.

Mais notícias sobre vinhos...

+ Produtores de Pommard solicitam criação dos primeiros grands crus

+ Rótulo inova equilibrando herança histórica de vinícola com tons contemporâneos

+ Consumo moderado de vinho diminui riscos de desenvolver Alzheimer, diz estudo

+ Para aumentar chuvas em Mendoza, pesquisadores implementam método de precipitação artificial

+ Menos de 10% dos vinicultores nos EUA são mulheres, diz estudo

Da redação

Publicado em 25 de Agosto de 2011 às 09:02


Notícias