27.dez - Falso dentista dava vinho como anestesia

Falso dentista dava vinho para anestesiar pacientes nos EUA

Consultório foi montado em cozinha de residência em Nova York. O suspeito afirma que fez curso para trabalhar como dentista no Equador.


Divulgação - Peekskill Police Department

Um morador da cidade de Peekskill, no estado americano de Nova York, foi preso acusado de trabalhar como dentista sem autorização e diploma. O consultório foi montado na cozinha de sua residência no subúrbio de Nova York, e o suspeito usava um garrafão de vinho como anestésico para diminuir a dor de seus pacientes.

Policiais prenderam Carlos Flores, 68 anos, na noite de terça-feira (23) após uma batida em sua residência. De acordo com o responsável pela operação, a polícia havia sido informada sobre o consultório ilegal por um ex-paciente de Flores, que sofria de dor de dente.

Depois se ser atendido pelo falso dentista, o paciente precisou ser hospitalizado, já que o dente quebrou durante a tentativa de extração.

De acordo com policiais, os principais clientes de Flores eram imigrantes hispânicos de baixa renda. Na cozinha do suspeito, foram encontradas uma cadeira de dentista, medicamentos e equipamentos odontológicos sujos de sangue.

O suspeito alega ter formação de dentista e autorização para trabalhar em seu país natal, o Equador.

Fonte: G1

Da redação

Publicado em 27 de Dezembro de 2008 às 14:42


Notícias