Revista ADEGA
Busca

Vinho - 03.Fev - Cockburns of Leith

Fechada a mais antiga casa escocesa de vinhos


A casa de comércio de vinhos mais antiga da Escócia, Cockburns of Leith acabou de se tornar a mais recente vítima da crise economia que assolou os mercados nos últimos dois anos.

Cockburns foi criada há 214 anos e teve como clientes Sir Walter Scott, poeta e escritor de romances históricos, e Charles Dickens, romancista que contribuiu para a introdução da crítica social na literatura inglesa.

A casa foi premiada em 1822 com um Royal Warrant, espécie de reconhecimento que era dado a pessoas ou companhias que forneciam serviços para o Rei, no caso George IV.

No final de janeiro, a Cockburns of Leith já havia despedido cinco dos sete funcionários que ainda estavam no comércio.  Agora, os administradores do local tentarão vender o nome da marca, já que afirmaram haver "grande interesse" de potenciais compradores.

"O grupo sofreu forte impacto durante a recessão mundial, que infelizmente nos forçou a suspender o negócio por já não ser mais lucrativo", afirmou um dos administradores, Colin Dempster.

A companhia foi fundada em 1796 em Leith, distrito de Edinburgh, capital da Escócia, por Robert Cockburn, membro de uma família nobre do país.

Confira as últimas notícias sobre o mundo dos vinhos...

+ O Melhor Vinho do Dia: Iemanjá - Nossa Sra. dos Navegantes
+ Chineses produzem garrafa de 4,5 metros

+ Especialistas afirmam que a Ásia é o futuro da indústria mundial do vinho
+ Vinícolas australianas usam o vinho para fortalecer o esporte nacional
+ O Melhor Vinho do dia: Vitória brasileira na Austrália

Redação
Publicado em 03/02/2010, às 13h38 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias