Revista ADEGA
Busca

17.dez - Vinho Madeira pode chegar aos 4.220 euros

Garrafa de vinho da Madeira pode chegar aos 4.220 euros

Christie´s vai vender coleção particular de vinhos de William Leacock


A casa londrina Christie's leiloará a coleção particular de garrafas de William Leacock, o herdeiro da família inglesa que produziu e comercializou o vinho da Madeira desde o século XVIII, e que, entretanto, vendeu o negócio.

A rara adega é composta por diversas garrafas do rótulo, sendo que algumas delas têm mais de 200 anos e podem chegar ao valor de 4.220 euros.

O vinho da Madeira dura muito tempo, é fortificado, tem elevado teor alcoólico, e é produzido nas encostas e adegas da Região Demarcada da Ilha da Madeira, sob condições climáticas excepcionais. É o produto principal da economia da região autônoma e um símbolo do lugar em todo o mundo.

O rótulo tem uma relação especial com o Reino Unido e também com a Christie's. O fermentado foi o primeiro que James Christie vendeu em 1766, ou seja, a casa vende o vinho há cerca de 250 anos.

Redação
Publicado em 17/12/2008, às 08h04 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h45


Mais Notícias