Vinho - 13.Set - Nos EUA

Garrafas raras de vinícola de Coppola serão leiloadas


Garrafas raras da lendária Inglenook, em Napa - incluindo safras dos anos 40 - serão leiloadas em Nova York esse mês.

Divulgação
Inglenook, a propriedade construída por Gustave Niebaum na virada do século, foi comprada por Francis Ford Coppola em 1975, que gastou os 40 anos seguintes reconstruindo-a e restaurando-a. Até a década de 70, a vinícola produziu os vinhos mais renomados da Califórnia.

Desde então, o nome da Inglenook passou por diversos donos, e a marca se tornou sinônimo de vinhos a granel de baixo nível.

Inicialmente, Coppola nomeou a propriedade de Niebaum-Coppola, depois Rubicon Estate, e agora mudou para o nome original - Inglenook.

"Agora eu tenho o vinho certo e as pessoas certas por trás disso. Se isso não reabilitar a Inglenook, ninguém fará isso", disse o diretor em entrevista ao site Decanter.com em junho.

Coppola está leiloando uma garrafa da Inglenook de 1935, estimada entre 600 a 800 dólares, da "época de ouro" do enólogo John Daniel Jr., e duas garrafas de Inglenook Cabernet Sauvignon 1941, estimadas entre oito e 12 mil dólares. O crítico norte-americano James Laube descreveu o 1941 como "um dos melhores vinhos tintos já feitos".

O leilão ocorrerá no próximo dia 24, no centro Christie's Rockfaller.

MAIS COPPOLA: O Poderoso Château - A vinícola do cineasta Francis Ford Coppola parece o cenário de uma superprodução cinematográfica

Mais notícias sobre vinhos...

+ Absolut lança blend de vodca com Sauvignon Blanc

+ Vinho chileno faz homenagem a vinicultora imigrante

+ Vinho em homenagem a Marilyn Monroe, Marilyn Merlot ganha edição de aniversário

+ Malbec argentino terá formato de garrafa especial, para fácil identificação

+ Mercados emergentes preferem vinho branco envelhecido, diz estudo

Da redação

Publicado em 13 de Setembro de 2011 às 08:48


Notícias