Governo Americano quer mudar a regulamentação dos vintages


Os Estados Unidos querem relaxar a regulamentação dos vintages que são originários de determinadas misturas de uvas. Pela nova regra 85% do vinho na garrafa deve ser feito com as uvas que foram colhidas no ano que está indicado no rótulo. Essa regra já é praticada na Australia, Nova Zelândia e nos países da união Européia. O governo norte-americano aceitou a proposta feita pelo Wine Institute que afirmava que com essa medida o vinho ganharia mais qualidade. A associação dos produtores do distrito de Lodi acha que essa medida tem que ser revista pois vai confundir os consumidores que querem a informação exata do vintage.

Leonardo Mello

Publicado em 5 de Maio de 2006 às 11:17


Notícias