Vinho - 03.Mai - Leilão

Hong Kong está pronta para receber o mundo do vinho


Em termos de leilões de vinho, Hong Kong agora ocupa a segunda posição como maior mercado do mundo, perdendo apenas para Nova York, e já avisa: é melhor a Big Apple tomar cuidado...

Desde que a região aboliu toda a tributação do vinho, em 2008, os negócios estão fervendo e as casas leiloeiras conseguem recordes a cada novo evento. Recentemente, uma garrafa do vinho Lafite 1996 foi vendida por 17,300 euros, quase seis mil a mais que o esperado.

Com tantos resultados positivos, a cidade se orgulha em dizer que ganhou novo fôlego no mercado de vinhos. Uma pesquisa recente realizada pela Vinexpo sugere que as vendas chinesas deverão chegar aos três bilhões de dólares nos próximos três anos.

Dominique Dubreuil, presidente do Vinexpo Asia Pacific, acredita que o mercado asiático já está refinando o paladar. Ela sustenta seu argumento dizendo que uma em cada quatro garrafas de vinho em Hong Kong é importada da França.

"Não é segredo que o mundo do vinho está com os olhos voltados para a Ásia, especialmente Hong Kong e China. Alguns dos vinhos mais finos que já provei estão em Hong Kong, e a população de lá realmente sabe o que degusta", destaca.

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Em um ano, Inglaterradobra a produção de vinhos
+ Depois de um 2009 fraco, exportação de vinhos espanhóis aumenta 9,2%
+ Disneylândia recebe o 5º Festival de Comida e Vinho
+ Conselho Regulador de Ribera del Duero espera expandir vinhos de alta qualidade
+ Antes de celebrar missa em Portugal, Papa vai sobrevoar a região do Douro

Da redação

Publicado em 3 de Maio de 2010 às 14:38


Notícias