Vinho - 23.Jan

Indústria brasileira de vinhos irá crescer 20% em 2013


A indústria nacional de vinhos está otimista com o crescimento de vendas de seus produtos para esse ano. De acordo com o diretor executivo do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), Carlos Raimundo Paviani, a expectativa para 2013 é de um crescimento de 20% no volume para a comercialização.

divulgação

"Neste ano a economia brasileira vai crescer mais e a ascensão social deverá continuar. Esses fatores impulsionarão o consumo das bebidas", explica Paviani. Os números de 2012 ainda não foram fechados, mas é esperado estabilidade nas vendas de vinhos finos comparado a 2011, que somaram 19,5 milhões de litros.

Já para 2013 a expectativa é de que o acordo de cooperação firmado no ano passado entre o setor vitivinícola, os supermercadistas e as importadoras eleve o consumo de vinho nacional. "Se o acordo de cooperação for realmente cumprido, podemos chegar a um crescimento entre 25% a 27% neste ano", contou ele.

Com relação à produção, o Ibravin prevê uma safra igual à de 2012, quando houve uma produção de 690 milhões de quilos de uvas.  "Pode ser até que haja uma quebra de 10%, em função da chuva no sul no ano passado. Mas a qualidade será muito boa e teremos uma sanidade excepcional, já que o clima está mais seco, com mais dias de sol", explicou Paviani.

Mais notícias sobre vinhos...

Região pede ajuda legal para uso exclusivo de nome em rótulos
Novo Pinóquio tem paisagem inspirada nos vinhedos da Toscana
Feira australiana de vinhos causa polêmica por usar termo Natural
Australianos criam vinho com propriedades benéficas mais potentes
Trinchero deixa de usar nome em rótulo por problemas legais

Da redação

Publicado em 23 de Janeiro de 2013 às 08:45


Notícias