Revista ADEGA
Busca

Vinho - 10.Jun - Consumo próprio

Ingleses criam clube que leva próprios vinhos a restaurantes


A sigla BYO (Bring Your Own, em português, Traga seu próprio) já é bastante utilizada na Austrália e nos Estados Unidos, mas vinha sendo recusada pelos ingleses, quando clientes queriam levar seus próprios vinhos aos restaurantes.

Por isso, um casal inglês decidiu criar o BYO Wine Club, no qual os sócios pagam uma anualidade de 75 libras, ou 100 libras no outono, que seriam repassadas aos restaurantes que aderissem ao clube. "Tudo começou quando planejamos um aniversário com um Chateau Talbot 1976 e muitos restaurantes cobraram de 40 a 45 libras ou nem nos aceitaram", afirmou a fundadora do clube, Khadine Rose.

Os sócios do clube recebem newsletters com notícias sobre os restaurantes, conselhos de sommeliers, entregas em casa, além de jantares especial em restaurantes selecionados. "Claramente ali havia uma oportunidade de negócio se eu achasse pessoas interessadas e restaurantes que pensam nos benefícios para os consumidores que amam o vinho", afirmou Khadine.

Com a adesão de muitos sócios e o grande aumento recebido pelos restaurantes que aderiram ao clube, a tendência deve crescer ainda mais. "Nós estamos recebendo convites de restaurantes e continuaremos recebendo mais. Isto está indo para frente", disse Khadine.

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Na contra-mão da crise, vendas de vinho crescem nos EUA

+ Organização oferece vagas de estágios em adega no exterior

+ Campanha de vinho em Wimbledon ganha prêmio

+ Beber moderadamente pode diminuir riscos de Alzheimer

+ Concha y toro inova e lança site de vinhos chilenos

+ Magnata do petróleo planeja comprar vinícola francesa

Redação
Publicado em 10/06/2010, às 15h34 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias