Revista ADEGA
Busca

Vinho - 06.Ago - Invicta

Itália continua sendo a maior exportadora de vinhos do mundo


Apesar do mercado internacional não estar em sua melhor fase, a indústria vitivinícola italiana tem muito que comemorar. Mesmo nesse cenário, a Itália continua sendo a maior exportadora de vinhos, com 850 milhões de hectolitros anuais vendidos em todo o mundo. O distante segundo lugar é ocupado pela Austrália, com 583 milhões de hectolitros por ano.

Números divulgados ontem pelo Italian Wine and Food Institute (IWFI), em Nova York, mostram que os vinhos mais importados pelos Estados Unidossão os provenientes da Itália. O fato é realmente grandioso, uma vez que o mercado norte-americano é considerado por muitos como o mais forte e dinâmico, em termos de comércio de bebidas estrangeiras.

Segundo a IWFI, as importações de vinhos italianos continuam superar as da Austrália, nos primeiros cinco meses deste ano. De janeiro a maio de 2010, as exportações da Itália para os EUA foram avaliadas em mais de 422 milhões de dólares. A Austrália aparece logo depois, com quase 230 milhões no mesmo período.

Para o instituto, grande parte do mérito é da popularidade crescente que os espumantes italianos vem ganhando. O IWFI informou que as importações desses vinhos aumentaram consideravelmente, cerca de 34% em quantidade e 27% em valor, em comparação com os primeiros cinco meses de 2009.

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Exportações chilenas crescem 12% no primeiro semestre deste ano

+ Depois de anos de discussão, OIV define conceito de "terroir"

+ Com mais de 500 anos, "Vinha Mãe" é envenenada nos Estados Unidos
+ Julia Roberts e Javier Bardem divulgam filme em vinícola da Califórnia

+Arqueólogos acreditam ter encontrado adega do período Bizantino

Redação
Publicado em 06/08/2010, às 09h52 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias