Vinho - 09.Fev - Efeito estufa

Latas de alumínio ganham espaço por serem menos prejudiciais


A exemplo de uma série vinícolas californianas, produtores da Austrália estão começando a usar latas de alumínio para comercializar alguns tipos de vinho.

O espumante Sofia Blanc de Blancs
Essa tendência já havia sido mostrada pela extravagante Paris Hilton, que lançou seu próprio espumante, o Rich Prosecco, em latinhas.

O produtor norte-americano Francis Ford Coppola, dono da Coppola Winery, também utiliza latas de alumínio (rosa) no espumante Sofia Blanc de Blancs, que tem capacidade para 187 ml, a mesma de garrafas de vinho pequenas.

O vinho vencedor, Cabernet Shiraz Merlot
Talvez se inspirando nestes casos, os australianos também quiseram inovar, e em 2009, ganharam uma medalha de ouro com seu vinho enlatado Cabernet Shiraz Merlot no Berlin Wine Trophy, principal competição internacional de vinhos.

Essa foi a primeira vez na história que um vinho vendido em lata recebeu um prêmio tão importante quanto este.

Com o debate atual sobre sustentabilidade, o vinho em latas de alumínio é uma alternativa interessante, já que é um produto 100% reciclável e oferece uma pegada de carbono muito abaixo das garrafas de vidro.

Confira as últimas notícias sobre o mundo dos vinhos...

+ Mendoza se torna rota alternativa para turistas na América do Sul
+ Indústria de cortiça destina 20 milhões de euros para estratégias promoção
+ Vale dos Vinhedos passa a ter Denominação de Origem

+ Tim Atkin perde espaço no Observer
+ O Melhor Vinho do Dia: Para brindar Thomaz Bellucci!

Da redação

Publicado em 9 de Fevereiro de 2010 às 16:31


Notícias