Revista ADEGA
Busca

Leilão do vinho negocia 46% da oferta



O primeiro leilão de Prêmio de Escoamento de Produto (PEP) para vinho de uvas viníferas negociou nesta terça-feira 28, 5,520 milhões de litros, o equivalente a 46% da oferta de 12 milhões de litros. Com isso, o prêmio manteve-se no valor de abertura, de R$ 0,65 por litro. O presidente da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Viticultura, Vinhos e Derivados, Hermes Zaneti, considerou o resultado da operação dentro do esperado. O produto adquirido agora só poderá ser oferecido ao mercado em 2007, pois as vendas de vinho são sazonais. Essa regra, segundo Zaneti, pode ter reduzido o interesse de possíveis potenciais compradores.

O Prêmio foi oferecido pela Companhia Nacional de Abastecimento para apoiar a compra do vinho de produtores e cooperativas do Rio Grande do Sul e o seu escoamento para qualquer Estado, com exceção do próprio Rio Grande e também de Santa Cataraina. O regulamento do PEP pode ter limitado o interesse de compradores, já que só é possível usar o mecanismo na comercialização da última safra e, dentro do estoque disponível, pode haver produto de colheitas anteriores.

Fernando Roveri
Publicado em 29/11/2006, às 14h29 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h44


Mais Notícias