Revista ADEGA
Busca

Vinho - 31.Ago.

Lider de viticultores em Borgonha critica venda de château para chinês


O líder do grupo de viticultores franceses Jean-Michel Guillon, criticou a decisão de vender o château mais popular de Borgonha para um investidor chinês. Há quase duas semanas um chinês comprou o château de Gevrey-Chambertin - famoso por produzir o vinho favorito de Napoleão Bonaparte- por oito milhões de euros.

divulgação

A propriedade foi a primeira da região a ser vendida um comprador investidor estrangeiro, juntando-se a lista de 20 Châteaux de Bordeaux que já pertencem aos asiáticos. Porém a decisão de vender a propriedade para um não francês desagradou o presidente do sindicato de viticultores de Gevrey-Chambertin, que também concorria à propriedade. "Acho que a França está vendendo sua alma e que os nossos políticos devem reagir", disse Guillon. "Tenho medo de que com os anos a Borgonha não pertença mais aos borgonheses", lamentou.

Mais notícias sobre vinhos...

Revista de vinhos lança recurso de realida aumentada
Casas de leilão abrem temporada de vinhos raros
Produtores ingleses torcem pela melhora de tempo e da colheita
Empresa cria embalagem de vinho feita somente de jornal e água
Livro traz estudo inédito sobre regiões vinícolas do Brasil

Redação
Publicado em 31/08/2012, às 08h11 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias