Magnata do vinho compra 50% do Château d´Issan


Nas mãos da família Cruse desde 1945, o Château d'Issan está prestes a ganhar mais um dono, o magnata francês Jacky Lorenzetti.

Lorenzetti, que é dono do Château Lilian Ladouys, em Saint Estephe, e do 5th growth Château Pédesclaux, em Pauillac, adquiriu 50% do capital do d'Issan, segundo a revista Decanter.

Emmanuel Cruse, atual diretor da vinícola, afirmou que mesmo após a venda continuará a desempenhar suas funções. Porém, como parte do acordo com Lorenzetti, e depois de passar os últimos dois anos como consultor do magnata, também estará à frente dos negócios no Lilian Ladouys e no Pédesclaux, comprados em 2008 e 2009, respectivamente.

"Nada vai mudar no dia-a-dia do Issan, mas esse negócio foi muito positivo, pois vai me permitir trabalhar ao lado de um acionista que acredita em minhas estratégias e que tem uma visão de levar os negócios adiante, não apenas para o Issan como para todas as suas propriedades", declarou Cruse, que dirige os negócios da família há 15 anos.

Lorenzetti, que é dono do time de rugby parisiense Racing Métro 92, tem fortuna estimada em 245 milhões de euros, de acordo com a publicação francesa Challenges.


Mais notícias sobre vinhos...

+ Facebook entra no mercado de vinhos

+China produz sua primeira série sobre vinho

Bonhams faz seu primeiro leilão de vinhos finos em Londres

Cinco filmes que todo enófilo deve assistir

+Australiano descobre "fórmula" do vinho saudável

Da redação

Publicado em 1 de Março de 2013 às 07:08


Notícias